Pages

Uma historia de menina

Meu nome é Angel, morena, 1,72 m, olhos cor de mel, cabelos pretos, bunda grande, coxas grossas, gordinha gostosa, quando eu tinha 16 anos namorei um rapaz do Parana, o Silas, irmão do marido da minha prima.

Quando conheci Silas ainda era uma menininha, meus seios eram como duas maçãs, meu corpo era de uma menina ainda mas já tinha tudo pra chamar atenção dos homens, uma bundinha bem empinadinha, pernas bonitas e uma carinha de anjo.

Ainda brincava na rua e quando olhei pra ele foi amor a primeira vista. Ele era loiro, olhos castanhos claros, alto, muito bonito e ele também se interessou por mim.

Fomos apresentados e logo estávamos conversando animadamente, ele tinha 25 anos e não demorou muito começamos a namorar. Eu ainda era virgem e não sabia muita coisa sobre essas coisas ligadas a sexo, mas que nos beijávamos sentia que eu ficava toda melada lá em baixo.

Eu namorava com ele escondido dos meus pais e um certo dia eu estávamos namorando sentados no sofá da casa da minha prima, lembro me que eu usava uma blusinha de alcinha rosa e um shortinho jeans.

Estávamos sozinhos aos beijos no sofá, Silas nunca tinha tentado nada comigo e eu estava com a mão nos cabelos dele. Coloquei minhas perninhas no seu colo e me entregava cada vez mais aos seus beijos.

Silas foi ficando ofegante e começou a alisar minhas costas com uma mão e a outra desceu ate minhas pernas, queria que ele parasse, mas estava tão bom!

- Princesa é melhor pararmos por aqui porque eu to ficando louquinho pra fazer amor com você e sei que não é a hora. - disse ele.

- Ai Silas... tá tão bom... - respondi dengosa e continuamos a nos beijar.

Eu estava adorando aquele turbilhão de sensações que eram completamente novas pra mim, sentia um friozinho na barriga e a buceta toda meladinha. Silas começou então a alisar minhas coxas e a beijar meu pescoço.

- Adoro você minha menina... - sussurrava ele no meu ouvido.

Eu já estava deitada no sofá com ele por cima de mim me beijando o pescoço e o colo dos seios, eu adorava demais aquele homem pra pedir que ele parasse e estava adorando aquelas sensações que dominavam o meu corpo todo, mas tinha medo por ser virgem.

- Silas, você sabe que sou virgem... - falei.

- Eu sei mocinha, só quero te beijar e sentir esse corpinho delicioso pertinho de mim... - repondeu ele.

Continuei beijando ele que soltou seu corpo sobre o meu que estava apoiado no braço, senti a rigidez do seu corpo e o cheiro gostoso do seu perfume.

Silas desceu um pouco a alça da minha blusinha e do meu sutiã de algodão branquinho, coisinha de menina, beijou meu ombro, não conseguia pedir para ele parar! Ele foi descendo e beijando meus seios por cima da blusa senti um arrepio e gemi baixinho:

- Aiii!! - ele olhou pra mim e disse:

- Tá gostando minha gatinha manhosa? Posso te dar bem mais prazer, você?

Respondi com a cabeça que sim e Silas foi descendo mais e beijou minha barriga, passou a sua língua quente, quando ele chegou na minha buceta deu um beijinho por cima do short e foi descendo ate chegar aos meus pés.

Depois ele tirou a camiseta e ficou só de jeans, como era lindo o seu corpo, ele sentou se no sofá, eu me levantei, sentei no seu colo e nos beijamos. Ele colocou aquelas mãos grandes no meu seio por cima da blusa e segurou, vendo que eu não protestei, foi descendo minha blusinha, eu até que ajudei tirando as alcinhas.

Ele veio e beijou os meus seios e abriu o meu sutiã, deixei, não sei porque confiava e gostava tanto dele. Quando ele foi beijando meu pescoço e foi descendo já imaginava o que viria depois. Ele segurou meus seios com as mãos e disse:

- Você é linda... vou fazer uma coisa que você nunca vai esquecer meu amor! Vou te dar seu primeiro orgasmo... - começou a me beijar novamente.

Foi descendo beijando e lambendo meu pescoço, chegando nos meus seios ele sugou com muita vontade eu me sentei melhor de frente pra ele e senti sua rola dura embaixo da minha bucetinha virgem.

Ele adorou a situação, segurou na minha bunda e me encaixou direitinho em cima da sua pica pura e sugava meus seios, ora um ora outro, meus peitinhos que ate então ninguém havia tocado...Ele mamava tao gostoso...

Ele me deitou novamente no sofa e eu olhava admirada pro seu corpo, aquela barriguinha perfeita, parecendo um tanquinho... ele disse:

- Agora minha gatinha vou te dar muito prazer... tenho certeza que você vai gostar...

Desabotoou meu shortinho e foi tirando devagar, estava de calcinha branca de algodão, ele tirou meu shortinho e jogou no chão, foi beijando minhas coxas, deslisando a língua... Veio me olhando nos olhos, deu um beijo na minha bucetinha por cima da calcinha...

Suspirei...Estava agora complete a a merce dele, sentia medo e ao mesmo tempo estava adorando aquele momento. Suavemente ele foi tirando a minha calcinha, pensei em protestar mas o desejo falou mais alto, ele abriu minhas pernas, deitou se por cima de mim e me beijou. Olhou nos meus olhos e disse:

- Lindos... esses seus olhos... você toda é muito linda... - levantou se e disse - Quero saborear essa bucetinha linda...

Senti sua boca tocar na minha bucetinha e pela primeira vez a língua de um homem... ele metia aquela língua na minha entradinha fechadinha... eu me debatia no sofá, ele me segurava forte pela cintura...

Sentia minhas pernas bambas e meu corpo flutuando, ele comecou a sugar meu grelinho, passava a língua suavemente, eu ate chorei de tanto prazer!!!

Gozei de uma forma muito intensa e deliciosa pela primeira vez na vida, fiquei deitadinha enquanto ele sugava todo o líquido que escorria da minha bucetinha. Levantou se e abrindo o zíper da calça disse:

- Agora você vai aprender a chupar uma rola... - fiquei olhando a cena dele abrindo a calça e tirando aquela delicia gostosa pra fora, veio em minha direção e disse - Pega na minha pica gata... pega...- Segurei meio desajeitada, estava dura como uma rocha... - Dá um beijinho nela... dá minha gata... coloca na boca... chupa gostoso... faz seu gato gozar... chupa bem gostoso que você vai ter uma surpresa bem gostosa...

Coloquei a cabecinha na boca, senti um gostinho que ate hoje adoro sentir, a cabecinha estava toda meladinha, ele disse:

- Chupa minha princesa como se você estivesse chupando um pirulito... - Comecei a chupar... não sabia fazer direito, mas fui pegando pratica e ouvi-lo gemer me dava mais vontade de chupar ainda...

- Isso menina... Já pegou o jeito!! Ai que boca gostosa... vai meu anjo você vai gostar... - Chupei por um bom tempo ate ele falar gemendo - O gatinha da boca gostosa... vou gozar....não para não... vou te da um leitinho cheio de vitamina... - Continuei chupando ate que senti seu pau pulsando na minha boca... ele disse - Toma seu leitinho... ahhhh.... que delicia meu anjo...

Saiu muita porra, encheu minha boquinha toda e eu engoli tudinho e ainda continuei chupando até deixar aquela pica deliciosa bem limpinha. Vestimos nos e fomos ver TV no sofá!

Lembro que ainda namoramos por alguns meses, Silas não queria tirar minha virgindade, ficávamos nessas brincadeiras, ele tinha medo por causa da minha idade...

Eu queria ele tivesse tirado o meu cabacinho que perdi 2 anos depois com outro namoradinho... Lembro quando ele ia me busca na escola e me levava pra casa da minha prima e gozava entre minhas coxas...

Pena que terminamos e ele voltou pro Parana, mas ate hoje nunca o esqueci, com ele tive meu primeiro beijo, meu primeiro amor e meu primeiro orgasmo, será eternamente inesquecível!
TAGs: , , , ,

XYZ

Phasellus facilisis convallis metus, ut imperdiet augue auctor nec. Duis at velit id augue lobortis porta. Sed varius, enim accumsan aliquam tincidunt, tortor urna vulputate quam, eget finibus urna est in augue.

Nenhum comentário:

Postar um comentário